Bioplastia de Glúteos

Bioplastia é uma técnica que utiliza implante líquido para reposição de quantidade em processos de rejuvenescimento que podem tanto amenizar rugas quanto criar maior quantidade, redefinindo o contorno facial e corporal. Embora executada ambulatorialmente, a bioplastia só pode ser realizada por médicos, após consulta de avaliação presencial e em ambiente devidamente higienizado que apresente alvará da vigilância sanitária.

A Dra. Danuza Dias trabalha principalmente com quatro substâncias preenchedoras, são elas o ácido hialurônico, a hidroxiapatita de cálcio, ácido polilático e o polimetilmetacrilato (PMMA), utilizando sempre marcas liberadas pela ANVISA.

Qual o produto utilizado na bioplastia de glúteos?

A bioplastia de glúteos é realizada normalmente com PMMA. Uma substância sintética biocompatível, que não migra e de aplicação definitiva. O PMMA é composto de microesferas de polimetilmetacrilato embarcadas em coloide de carboxi-metilcelulose, que permanecem inertes no local de aplicação conferindo harmonia e redefinindo contorno.

O tempo de recuperação da bioplastia de glúteos é praticamente inexistente, sendo que não é necessário reservar um período de repouso. A aplicação da substância preenchedora é realizada com uma agulha flexível e sem ponta chamada de microcânula, o que reduz as chances de hematomas. O tratamento completo inclui ainda uma consulta de revisão entre 15 e 30 dias após o procedimento para acompanhar a resposta do corpo e fazer pequenos retoques se for o caso.

O ácido hialurônico é uma molécula presente no líquido intercelular de nosso corpo que contribui para formação de colágeno, estando presente em todos os órgãos, especialmente na pele. Por ser um componente familiar ao nosso organismo o ácido hialurônico dificilmente provoca alergia ou rejeição e é absorvido pelo organismo em um ano.

A hidroxiapatita de cálcio é o principal componente dos ossos sendo formada também por fósforo. O tempo de absorção ampliado para 18 meses e a capacidade de devolver a sustentação dos terços médio e inferior do rosto são as diferenças da hidroxiapatita de cálcio.

O ácido polilático é um produto sintético facilmente diluído em água que age como estimulador do colágeno aumentando a quantidade do tecido gradualmente. Ao contrário dos outros preenchedores, a aparência final do tratamento com ácido polilático leva de seis a oito semanas para ser visualizada. O tempo médio de absorção é de 2 anos.

Como é realizada a bioplastia de glúteos?

Todos os procedimentos são realizados somente após consulta presencial, na qual o médico ouve as queixas do paciente e avalia qual o melhor tratamento de acordo com o estágio de evolução do problema e histórico do paciente. No caso da bioplastia de glúteo é levado em consideração o objetivo do paciente, bem como seu formato de corpo. Estas variáveis irão ajudar a definir se a bioplastia é recomendada, qual substância preenchedora deve ser utilizada, qual a quantidade a ser aplicada e em quais porções do glúteo.

IMPORTANTE: O produto a ser utilizado para bioplastia deve possuir liberação da ANVISA. Também é recomendado que o paciente e médico conversem sobre o produto que será aplicado e verifique, ainda, lote e validade nas ampolas da substância preenchedora.

Como realizar a bioplastia de glúteos em Porto Alegre?

Na Clínica Leger, a Dra. Danuza Dias realiza tratamentos faciais e corporais, incluindo remoção de tatuagem a laser, radiofrequência com infravermelho para redução de celulite, laser CO2 fracionado para estrias, ultrassom microfocado para flacidez facial e radiofrequência para flacidez corporal, além de equipamentos para depilação a laser, redução da gordura localizada e suor excessivo.

Todos os procedimentos são realizados em instalações certificadas com o ISO 9001:2008 que atesta a conformidade em prestação de serviços médicos e estéticos para preenchimento corporal e facial e aplicação de laser segundo um rígido Sistema de Gestão da Qualidade empregado em mais de 160 países. Outros procedimentos como transplante capilar e cirurgia plástica oferecidos por médicos da clínica são realizados em ambiente hospitalar.

Quais outras maneiras de realizar o aumento de glúteos?

Existem três maneiras de aumentar o tamanho dos glúteos. O procedimento pode ser feito com implante de prótese de silicone, lipoescultura ou bioplastia de glúteos. Cada método tem suas vantagens e desvantagens, podendo servir melhor a um ou outro paciente.

Tanto a lipoescultura quanto a prótese de silicone são procedimentos cirúrgicos que requerem anestesia, internação hospitalar, limitações físicas e dor. A lipoescultura é melhor indicada para pacientes que além de aumentar os glúteos desejam perder gordura localizada. O excesso retirado com lipoaspiração é realocado nos glúteos, definindo forma e quantidade. No entanto, este não é um procedimento definitivo, visto que a gordura é um componente natural do corpo e irá diluir-se com o tempo, podendo provocar inclusive assimetria na região durante o processo.

O implante de silicone depende do formato do corpo de cada paciente. Suas próteses tem formatos fixos que reduzem as possibilidades de ajustes de quantidade e contorno, principalmente lateral. Ao contrário da bioplastia, que além de ser realizada com implantes totalmente maleáveis é um procedimento ambulatorial com anestesia local. A bioplastia de glúteos permite um ajuste fino entre o desejo do paciente e o que pode ser modelado em seu corpo, segundo seu objetivo de aumentar, empinar, corrigir irregularidades ou definir contorno do quadril.

Related posts