Fio Silhouette

O Fio Silhouette é um tratamento que combate a flacidez e suaviza as rugas através da aplicação de suturas de suspensão feitas com ácido polilático, que é absorvido pela pele em até 18 meses. O procedimento ambulatorial dura cerca de 30 minutos, é realizado com anestesia local e não deixa cicatriz.

O tratamento Fio Silhouette busca um lifting facial, redefine o contorno facial, devolve volume às bochechas e maçãs do rosto, deixa menos aparente o sulco nasogeniano (bigode chinês) e ajuda a recuperar a forma do queixo. Também pode erguer a sobrancelha, restaura a aparência do olho, ajuda a recuperar a firmeza no pescoço e reduz a papada.

Fios subcutâneos eram populares nos anos 80, mas caíram em desuso com o surgimento dos procedimentos não definitivos. O ácido polilático, polímero biocompatível utilizado para redução da flacidez, foi redesenhado em forma de fio para possibilitar o lifting facial no momento de aplicação da sutura de suspensão. Ao contrário dos demais, sua presença não é perceptível pelo tato. Composto por cones que aderem à camada subcutânea, reposicionando e mantendo a pele firme. Mudanças progressivas podem ser observadas à medida que o material é absorvido. Além da redução da flacidez facial, a pele passa a apresentar um aspecto mais macio, firme e saudável à medida que a produção de colágeno é estimulada, o que começa a ocorrer dentro de cinco meses.

O Fio Silhouette busca reduzir a flacidez e suavizar linhas de expressão, colaborando para o rejuvenescimento facial. Como ele incentiva a produção de colágeno, o rosto preserva seu aspecto mesmo após a absorção do fio. Porém, para uma ação mais efetiva sobre as rugas é possível realizar na mesma sessão a aplicação de ácido hialurônico. Durante a consulta presencial a médica avaliará as condições físicas e o histórico clínico do paciente. Após examinar as características particulares do caso, a doutora definirá qual o procedimento mais adequado, podendo sugerir ainda tratamentos complementares.

Após o tratamento, é comum aparecerem inchaços leves, vermelhidão ou hematomas, respostas normais a tratamentos pouco invasivos na pele. É possível retornar a rotina normalmente, evitando exposição ao sol, banhos quentes, atividade física e mastigação intensa. Em caso de desconforto são recomendados analgésicos comuns. Os cuidados após o procedimento são deixar a região em repouso, sem cremes e maquiagem. Também é aconselhável dormir de barriga para cima por duas semanas ou conforme sensibilidade. O paciente deve retornar ao consultório para revisão em sete dias.

Related posts